segunda-feira, dezembro 11, 2006

Santiago do Chile

"Mais ar fresco na América Latina. Mais calma. Mais espaço para viver". Palavras tiradas do blog de Enrique Flores. Quando passei por Santiago percebi o peso que o exército ainda tem na sociedade chilena. Esta feira, em frente ao Palácio La Moneda, pretendia promover os carabineros. A música de fundo era, ridiculamente, dos anos 60, paz e amor.


Santiago do Chile. Abril 2004

11 comentários:

Anónimo disse...

excelente metáfora deste mundo em que insistimos em viver-sem-ver... muitos não sabem, outros esqueceram, e há também os que estão interessados em falar no "11 de Setembro˜... como se só tivesse havido 1 , em 2001; mas é sempre bom lembrar o outro: no Chile em 1973,com uma mãozita dos que foram vítimas do segundo, e registar que o número de vitimas mortais foi sensívelmente igual... quanto á música ...nas feiras há sempre música e as letras dos anos 60 nunca entraram nas cabecitas de candidatos a carabineiros, e muito menos na dos promotores deste tipo de acontecimentos pro-fúnebres ... que o desenho, oportunamente postado nesta data tão bem ilustra.

Maria Angélica

P.S. um desenho muito bom. Este, podia pertencer a uma categoria - ˜A Estupidez é a coisa mais perigosa que existe˜ ou - Armas.

Anónimo disse...

Muitos sabem e não esqueceram e lembram-se de filmes que quiseram, para sempre, deixar vivo em todos nós essas hediondas realidades:"Desaparecido"- Costa-Gravas, do mesmo autor "A Confissão" e "Os anos de chumbo"de Margarette von Trotta.
Em Portugal também há muito para contar antes e depois do 25 de Abril. As botas dos carabineros, em qualquer parte do Mundo,quando batem doem muito!

I.M.

Anónimo disse...

... e por falar nos filmes de Costa Gravas neste contexto também para lembrar ˜Estado de Sítio˜ ...


R. L.

Anónimo disse...

Isto ainda não fica por aqui prometo voltar. I.M.=Galeota

Anónimo disse...

Somos todos ouvidos I.M.= Galeota

Anónimo disse...

IM que é quase de certeza Galeota foi comunista radical desde o 16 anos

Galeota disse...

"Essas hediondas realidades", como eu afirmo no texto, deixam sequelas, em todos nós,por vezes, muito difíceis de
ultrapassar. Uma delas é a tendência para a delação e a outra o espírito de "bufo" que todo ele é ouvidos.

Anónimo disse...

Oh anónima\o !

Já vi que tens um caso com a galeota ˜que foi comunista radical desde o 16 anos˜... e daí ? tu podes muito bem ter nascido nazi... como andas escondida\o ninguém sabe.
não me queres dizer nada a mim que nunca fui radical nem comunista ?

Maria Angélica

Galeota disse...

Beijo Grande ,Maria Angélica

Anónimo disse...

Faz hoje 32 anos,( 28 de Maio) o poder militar de então, o COPCON, desencadeou uma operação contra o MRPP, invadindo sedes deste partido maoísta por todo o país e prendendo
432 militantes." Arrombaram as portas e ordenaram: Tudo no chão! Deitámo-nos com as armas apontadas à cabeça. Depois foi socos , coronhadas, pontapés. Foi com se estivessem a atacar uma tabanca no mato da Guiné-Bissau no tempo da guerra colonial", recorda Fernando Rosas in Única - Revista do Expresso nº 1700 de 28 de Maio 2005
Galeota

Anónimo disse...

Esta operação militar que conduziu à prisão de 432 militantes do MRPP foi designada por " Operação Turbilhão". Foram utilizadas as tropas especiais dos comandos, fuzileiros e pára-quedistas. Alguns deles fizeram-se transportar em chaimites.

Galeota