segunda-feira, julho 22, 2019

Parque das Nações



3 comentários:

André Duarte Baptista disse...

Captaste muito bem a atmosfera dos espaços. O último desenho destaca-pela aparente simplicidade da composição e relaxa ente mancha e travo. Parabéns

Eduardo Salavisa disse...

Obrigado André. E o Brasil como está? Quando é que vimos os teus desenhos?

Eduardo Salavisa disse...

Digo, os Açores: