sábado, outubro 29, 2016

Inma e Miguel

A Inma é muito fácil de retratar. O Miguel, menos, mas também. As propostas não eram exactamente como fiz. Mas gostei de realçar o facto de este tipo de desenho registar muitas vezes, por forças das circunstâncias, pessoas inacabadas.


1 comentário:

teresa ruivo disse...

Desta vez não foste um aluno rebelde! E ficarm muito, muito bons, os teus quadradinhos!