terça-feira, março 22, 2016

A mancha e a linha

No sábado passado na Fábrica das Cores regressámos ao princípio. Desinibir o traço abordando o desenho em duas camadas (layers dirão alguns): primeira abordagem a mancha com pincel grosso e segunda com a linha com caneta ou lápis. Como dois desenhos sobrepostos da mesma coisa. Neste caso alguns dos presentes.




1 comentário:

teresa ruivo disse...

Gosto muito desta forma de desenhar, porque acho que se apanham bem as posturas das pessoas e os desenhos ficam mais expressivos. Foi o que aconteceu:)