quinta-feira, janeiro 29, 2009

Jerónimos

Durante muitos anos, os anos da minha infância, este espaço assustava-me. Agora vejo-o com os olhos dum desenhador, que observa os volumes e a sua relação com a luz.

Mosteiro dos Jerónimos (interior da nave principal)

10 comentários:

hfm disse...

e observa mesmo... vê para lá de.

gabi campanario disse...

you are lucky to live close to centuries old architecture and get to draw it, the oldest stuff around here is 100 years old more or less (in the west coast of the States)

Pequete disse...

Ufa, eu acho que não me atreveria a desenhar uma coisa destas...

Mafalda Azevedo disse...

E eu que já comprei dois livros! Um para oferecer e outro à espera de autógrafo. Sofri muito para os encontrar, mas, finalmente, lá os comprei numa das melhores livrarias de Lisboa - a Pó dos Livros, pois claro.

Beijinhos.

P.S. Adorei os desenhos do Cais das Colunas e da Segurança Social.

O Espírito do Tai Chi disse...

Costuma-se a dizer: "Cada um é para o que nasce..."
Gostei muito de aqui estar. Voltarei... de certeza... mais vezes.

Um bom fim de semana!...

António Serra

Bill Stein Husenbar disse...

E com que beleza esses traços estão desenhados, repletos de perfeição.

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

cláudia mestre disse...

tantos elementos. acho que me perdia...

Daniel disse...

A propósito do Mosteiro dos Jerónimos julgo que vale a pena dar uma espreitadela aqui:

~http://j.muchagato.googlepages.com/portfolio.html


Parabéns por todo o trabalho!

Lucie disse...

I love your sketches!

Abssinto disse...

!!!

...