terça-feira, abril 24, 2007

2CVs

Encontrei este meu amigo que me acompanhou durante muitos anos em bons e maus momentos. Está com bom aspecto, bem tratado e estimado. Depois de o ter deixado fiquei com remorsos de nunca o ter desenhado e tive agora essa oportunidade.

Lisboa. Abril 2007

7 comentários:

hfm disse...

E logo descapotável ;)

Anónimo disse...

Olha um "latinhas"!Está "novinho em
folha".A caixa de mudanças (igual à do Renault 4) é um espanto.
Galeota

Pequete disse...

Eu tive um parecido: um Diane vermelho escarlate que também me deixou boas memórias, que pena não me ter lembrado de o desenhar...

ma grande folle de soeur disse...

Magnífico! Uma espreguiçadeira sob um guarda-sol! E em bom estado e estimado! Maravilha! Um abraço. Lu

João disse...

Belos desenhos

margarida disse...

O carro faz parte de mim.É nele que fazemos quase tudo.Rimos,choramos,namoramos,pas-seamos,etc.Muitas vezes deixam-nos ficar mal,mas perdoamos-lhes tudo.
Normalmente o meu só para porque me desleixo com a gasolina.Adoro o meu carro, se tenho que o vender porque está velho uma parte de mim vai com ele.È giro encontrarmos por aí um carro que já foi nosso,é como encontrar um amigo importante que não vemos á muito.

margarida disse...

Não sei o que aconteceu á palavra "passeamos",ficou cortada...